Reunião discute proibição ao amianto em Pernambuco

O Grupo de Trabalho Interinstitucional de Prevenção de Acidentes de Trabalho da Sexta Região (Getrin6) se reúne na tarde desta segunda-feira (7) em reunião sobre o cumprimento da Lei Estadual nº 12.589/04, que proíbe a fabricação, o uso e o comércio de materiais à base de amianto. O debate abordará questões sobre a fiscalização de indústrias e estabelecimentos comerciais em caso de descumprimento da lei.

MPT participa de posse solene de novos juízes do TRT6

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco, representado pelo procurador-chefe, José Laízio Pinto Júnior, participa da sessão solene de posse dos novos juízes do Trabalho do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT6). O evento será realizado nesta terça-feira (8), às 9h30, na sala do Pleno.

Representantes de Fórum de Combate aos Agrotóxicos fazem visita ao MPT

Na manhã desta quinta-feira (3), o procurador Regional do Trabalho e coordenador nacional do Fórum de Combate aos Agrotóxicos, Pedro Luiz Gonçalves Serafim da Silva, recebeu a visita da atual coordenação do fórum estadual, cuja titularidade é da médica, ligada à Fiocruz-Aggeu Magalhães, Idê Gurgel. Na ocasião, foram tratados assuntos de interesse das entidades, dentre eles a participação do fórum local em evento do Conselho Nacional do Ministério Público, em agosto na cidade de Salvador, que tratará, em momento específico, sobre uma estratégia conjunta frente ao tema por parte de todos os ramos do MP.

Ação do MPT beneficia creche infantil com reforma

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco reverteu R$ 90.570,14 para o Cenáculo Espírito Casa de Maria – Creche Lar das Crianças. O valor, que será usado em uma reforma na sede da instituição, é resultado de termo de conciliação resultante de ação civil pública movida contra o Hospital Alberto Maia, pelo então procurador do Trabalho Fábio André de Farias, em 2010.

Audiência com Município de Caruaru sobre matadouro é remarcada

Atendendo a pedido dos advogados do município de Caruaru, o Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco remarcou para a próxima quarta-feira (9), às 16h, a audiência que iria acontecer nesta quarta (2), às 11h. De acordo com a procuradora do Trabalho à frente do caso, Roberta Komuro, a remarcação não traz qualquer prejuízo aos trabalhadores, uma vez que a interdição está mantida até que sejam feitos os ajustes apontados no termo de interdição.